Democratas propõem homenagem à professora que salvou crianças em Janaúba

10 de Outubro de 2017

“A professora Helley era uma profissional dedicada e sacrificou a própria vida para defender seus alunos”, justificam os proponentes no projeto.

Deputados Democratas propuseram que a professora Helley de Abreu Silva Batista seja declarada Padroeira, Heroína e Mártir da Educação Brasileira. Assinam o Projeto de Lei 8820/17 os deputados Carlos Melles (MG), Professora Dorinha (TO), Norma Ayub (ES), Onyx Lorenzoni (RS), e Misael Varella (MG). “A professora Helley era uma profissional dedicada e sacrificou a própria vida para defender seus alunos”, justificam os proponentes do projeto.

Helley era professora na creche que foi atacada por um ex-funcionário em Janaúba (MG). O homem jogou combustível e ateou fogo nos alunos, causando a morte de nove crianças. Helley, mesmo com o corpo em chamas impediu que a tragédia fosse ainda maior e salvou diversos alunos antes de também falecer.

“Tombada no cumprimento do dever, salvando seus alunos com o sacrifício da própria vida, a Professora Helley de Abreu Silva Batista é um exemplo de coragem, dedicação, amor, respeito, carinho e doação, em sua forma mais sublime, no exercício do magistério”, acrescentam os parlamentares.

Os deputados Democratas ressaltam que a morte heróica e trágica da Professora Helley, precisamente dentro do local mais sagrado para um educador, a sala de aula, não terá sido em vão na medida “que servir como alerta a toda nação do respeito e do reconhecimento devidos aos educadores que dedicam e entregam suas vidas, no dia-a-dia das escolas, nos mais distantes rincões deste país, na sublime missão de formar crianças, jovens e adultos”.

fale conosco