Hélio Leite comemora aprovação de ajuda emergencial para o setor cultural

01 de Junho de 2020

Deputado lembrou que está próximo de chegar junho, mês marcado pela tradição das festas juninas de norte a sul do país e que neste ano ficarão prejudicadas.

A Câmara dos Deputados aprovou ajuda emergencial no valor de R$ 3 bilhões para o setor de cultural durante a pandemia do coronavírus. O deputado Hélio Leite (PA), que votou favorável ao projeto, comemorou a aprovação da proposta para o setor que está com eventos suspensos, por conta das medidas restritivas referentes ao combate à Covid-19, e deve ser uma das últimas áreas a retornar com as atividades.

O deputado, ao comemorar a aprovação da matéria, lembrou que está próximo de chegar junho, mês marcado pela tradição das festas juninas de norte a sul do país e que neste ano ficarão prejudicadas. “Suspender as festas juninas é necessário, entendemos que o momento pede precaução, a prioridade é a saúde da população. Porém é um motivo a mais para priorizarmos esse apoio financeiro aos trabalhadores do setor, acredito que o subsídio chegará em boa hora”, reforçou Hélio Leite.

Os recursos chegarão aos trabalhadores por meio de repasse feito aos estados, municípios e ao Distrito Federal. Serão aplicados na renda emergencial para os trabalhadores do setor, em subsídios mensais para manutenção dos espaços e em outros instrumentos como editais, chamadas públicas e prêmios.

De acordo com o projeto, o repasse de recursos será feito pela União aos estados e municípios em até 15 dias depois da publicação da lei, com utilização dos fundos de cultura. A proposta também prevê pagamento de auxílio emergência para trabalhadores da cultura com atividades paralisadas.

fale conosco