“Estado não tem condições de investir o necessário na área de saneamento”, afirma Kim

29 de Outubro de 2019

Relatório do deputado Geninho Zuliani (DEM-SP) com novo marco do saneamento básico pode ser votado nesta quarta.

comissão especial que analisa a atualização do marco do saneamento básico (PL 3261/19) deve votar, nesta quarta-feira (30), o relatório final do deputado Geninho Zuliani (DEM-SP).

O texto deve ser apresentado hoje em substituição ao parecer que recebeu críticas de entidades que representam empresas de saneamento.

Defensor do projeto, o deputado Kim Kataguiri (SP), declarou que o Estado não tem condições de investir o necessário na área de saneamento. “Só quem tem a capacidade de fazer esses investimentos é a iniciativa privada e mais, ainda que não fosse apenas a iniciativa privada, é ela quem tem o maior know-how, a maior experiência e eficiência para fazer a prestação desse serviço”.

“Alguns deputados colocam como se a realidade hoje fosse o saneamento para todo mundo e a gente fosse destruir isso, não a realidade é justamente o oposto”, critica Kataguiri.

Segundo o Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento, metade da população brasileira ainda não tem acesso à coleta de esgoto e 20% ainda não têm acesso à água tratada.

A votação do parecer está marcada às 9h30.

*Com informações da Agência Câmara

fale conosco